Sábado, 24 de Julho de 2021 07:34
67 99698-9354
21°

Alguma nebulosidade

Campo Grande - MS

Dólar com.

R$ 5,2

Euro

R$ 6,12

Peso Arg.

R$ 0,05

Mato Grosso do Sul Denúncia

Ministério Público de Rio Brilhante, investiga suposta irregularidade na contratação de genro de secretário municipal pelo Hospital Municipal

Segundo denúncia após ser exonerado na Prefeitura por causa de nepotismo, genro de secretário foi contratado para trabalhar no Hospital Municipal mantido com recursos municipais

08/07/2021 11h44 Atualizada há 6 dias
2.254
Por: Redação
Ministério Público de Rio Brilhante, investiga suposta irregularidade na contratação de genro de secretário municipal pelo Hospital Municipal

O Ministério Público de Rio Brilhante, apura eventual irregularidade cometida na contratação de um funcionário do Hospital e Maternidade Associação Beneficente de Rio Brilhante. Conforme documentação recebida em nossa redação, o funcionário que seria genro do Secretário de Finanças do Município, o mesmo em janeiro foi nomeado em cargo comissionado na administração municipal e foi exonerado no dia seguinte a sua designação.

Uma denúncia realizada no dia 14 de abril, levou o ministério público a iniciar a apuração dos fatos, chegando inclusive solicitando a administração pública o contrato do convenio firmado entre o Hospital e Maternidade Associação Beneficente de Rio Brilhante e a prefeitura municipal de Rio Brilhante.

Em resposta enviada pelo hospital ao ministério público, a instituição informou que o funcionário foi contratado para exerce a função de auxiliar administrativo na instituição.

Em resposta ao Ministério Público a administração municipal enviou as devidas informações solicitadas, bem como o termo de contratualização firmado com a Associação Beneficente de Rio Brilhante – Hospital e Maternidade de Rio Brilhante, bem como eventuais convênios em vigor.

Também foi respondida pela administração afirmativamente que o atual funcionário do hospital foi servidor por um dia da administração municipal na atual gestão, sendo exonerado no dia seguinte a sua designação.

Atualmente os autos se encontram conclusos para apreciação da promotoria.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias