Sábado, 23 de Janeiro de 2021 19:51
67 99698-9354
Mato Grosso do Sul COVID-19

Situação da covid está ruim e vai piorar em janeiro, admitem autoridades

“A projeção boa é para quando houver a vacina”, afirmou o secretário estadual de saúde, Geraldo Resende

01/01/2021 20h59 Atualizada há 2 semanas
2.072
Por: Redação
Situação da covid está ruim e vai piorar em janeiro, admitem autoridades

“Vai explodir”, essa é a previsão do secretário estadual de saúde, Geraldo Resende, para a evolução de casos do novo coronavírus em janeiro. A projeção vem acompanhada dos números de dezembro, considerado o pior mês da pandemia em Mato Grosso do Sul até esta quinta-feira (31).

Somente em dezembro, a covid-19 matou 534 pessoas no Estado. Somente em dezembro, 33.610 testaram positivo para o novo coronavírus. Foram 104% a mais de infectados, em relação a novembro, com dados do boletim epidemiológico da SES (Secretaria Estadual de Saúde).

A explicação do secretário para o possível aumento expressivo de casos agora em janeiro está nas festas de fim de ano. “Teve aglomeração, festas clandestinas e desobediência de uma parcela da população. Agora vamos ter o ano novo. Dia 31 e 1º [de janeiro] é prática das pessoas, principalmente as mais jovens, de fazer festas.”, declarou Resende.

Em Campo Grande, no feriadão de Natal, a guarda municipal encerrou uma festa clandestina com mais de mil pessoas. Essa foi apenas uma das situações envolvendo aglomerações durante o feriado.

Até esta quinta-feira, segundo dados da SES, a taxa de ocupação de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) é de mais de 88%, em todo Mato Grosso do Sul. Na Capital, a taxa é de 108%.

Tá faltando - E com tanta necessidade de leitos, vai faltar mão de obra. A preocupação agora se volta à linha de frente, a quem combate o vírus de forma direta. Entre médicos e enfermeiros o olhar é o mesmo.

Para o presidente do SinMed/MS (Sindicato dos Médicos de Mato Grosso do Sul), Marcelo Santana Silveira, as festividades de Natal e Ano Novo vão refletir nos números, principalmente nos primeiros 15 dias. É aí que mora a preocupação. 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias